Contactos

Tempo De Cura

  • Pessoa de contato: Jeane Godoy e Janaína Ester
  • Telefone: +55 (19) 8222-29-94
  • +55 (19) 98225-81-85
  • +55 (19) 9769-61-75
  • Endereço postal: Rua D Pedro I - 1729 - Bairro Alto, Piracicaba, São Paulo, 13.419.200, Brasil

Renovações do site
Reflexão

Reflexão

Nova Semana ... novas oportunidades ... Estamos aqui como mais um ELO para o BEM ESTAR !
R$120
Enviar uma pergunta
Informação de contato
  • Pessoa de contato: Jeane Godoy e Janaína Ester
  • Telefone: +55 (19) 8222-29-94
  • +55 (19) 98225-81-85
  • +55 (19) 9769-61-75
  • Endereço postal: Rua D Pedro I - 1729 - Bairro Alto, Piracicaba, São Paulo, 13.419.200, Brasil
Descrição detalhada de um serviço

REFLEXÃO

O Universo é regido por Leis e Movimentos. Sempre que nos harmonizamos com essas Leis seguimos seu ritmo. Em todo o Universo há um ritmo, perceba que em todas as grandes tradições há a busca por essa harmonização.
Dentro do Taoismo, o Universo possui um grande ritmo: o Yin e o Yang. O Yang como a expansão, e o Yin como a contração. A grande respiração do universo.
Se olharmos de um ponto de vista mais micro, o ciclo noite e dia também segue esse yang/yin. Ao amanhecer, na madrugada, a energia começa a se expandir, o yang se inicia. Atinge seu pico no meio do dia, quando começa a declinar, a se recolher, momento do fechamento da energia. A natureza segue esse ritmo. A energia está disponível no yang e recolhe fecha no yin.
Como acompanhar esse ritmo? Pela manhã, fazendo atividades mais pesadas, que demandem mais o uso de energia, nos cansamos menos porque ela está mais disponível. Então, tarefas pesadas, exercícios, etc., são mais adequados logo cedo, pois gastamos menos nossa energia, utilizamos a da Natureza. À medida em que o Yin vai crescendo, anoitecendo, é mais adequado o recolhimento, o descanso, assim poupamos nossa energia.
O próprio processo da digestão/transformação/assimilação segue esse princípio. Todo o Corpo Humano, como um Micro Sistema, segue esse mesmo ritmo, acompanhando o Macro. A Medicina Chinesa está ancorada nisso.
Na primavera, quando a energia começa a se expandir (yang para os chineses) é o momento de brotar, expandir a energia. Novas idéias e propósitos pessoais, profissionais, existenciais, também estão no momento certo de expandirem. No verão, pico do yang, expansão máxima da energia, é quando estamos com todo o vigor energético. Os Propósitos antes criados agora “a todo o vapor” podem ser colocados em prática. É o momento de maior disposição física, energética. Na Natureza o calor convida “ir para fora”, os frutos amadurecem, muita energia e calor disponível.
O Outono, inicia o processo de Recolhimento e Fechamento do YIN, a energia começa a declinar, o calor a diminuir.
Para entrarmos em conexão com esse momento, é tempo de maior reflexão, balanço de nossa caminhada, repensar nossa Jornada. Talvez possamos soltar algumas coisas pelo caminho, agradecendo pelo que nos trouxeram. Outras podem ser guardadas para maior desenvolvimento e aprofundamento. O que valeu a pena? Ao que podemos dizer adeus? Ao que e a quem agradecer?
É uma preparação para o Inverno, fechamento da energia. Na Natureza, no Inverno a energia volta para a raiz, para o centro da semente, guardando e fomentando força para eclodir na Primavera e recomeçar o Ciclo.
Quando respiramos também repetimos esse grande ciclo: abrimos, expandimos… chegamos ao máximo na inspiração, e soltamos… vamos fechando, na expiração. O corpo humano, como micro sistema, reflete o macro sistema.
Em nosso cotidiano estamos acostumados apenas a “irmos para fora”, produzirmos, trabalharmos, “fazermos” todo o tempo. Inclusive nos momentos de “descanso e pausa” fazemos e consumimos o tempo todo: teatro, cinema, baladas, encontros… Quase não há o silêncio. Quase não há o momento de apenas “SERMOS”….
A atual estação nos convida para esse momento: entrarmos em conexão com o grande ritmo, alinharmos nossa vida ao grande ritmo, para não perdermos nosso próprio ritmo e adoecermos, em todos os sentidos.
É o período ideal para o estudo de si mesmo, interiorização e silêncio para percebermos os diferentes estágios e ciclos da vida. Despojar do que não faz mais parte desse momento e que pode ficar para trás…Nossas pequenas mortes cotidianas: deixar algumas coisas morrerem para dar espaço… Talvez novas metas e objetivos pessoais, quem sabe um novo emprego ou carreira, um novo olhar para a saúde e escolhas….
Assim como as folhas que caem nesse momento, é também o momento de deixar sair … percebendo que mudanças precisam ser feitas. No Inverno, no “espaço vazio” deixado pelas folhas caídas, o novo será criado para brotar na Primavera….

Boa estação para todos nós!

Amorosamente
Jeane Godoy
Jeane-godoy@bol.com.br
(19) 98222-2994 (19) 9 9751-6760
Janaina Ester
janainaestersouza@hotmail.com
(19)98225-8185 (19)99675-5845

Informação para encomenda
  • Preço: R$120
Categoria do catálogo Negociol.com: Outros serviços na área da medicina, saúde e beleza em São Paulo
Criado: 16/07/12 10:53
Alterado: 01/11/16 09:59