Contactos

Tempo De Cura

  • Pessoa de contato: Jeane Godoy e Janaína Ester
  • Telefone: +55 (19) 8222-29-94
  • +55 (19) 98225-81-85
  • +55 (19) 9769-61-75
  • Endereço postal: Rua D Pedro I - 1729 - Bairro Alto, Piracicaba, São Paulo, 13.419.200, Brasil

Renovações do site
Meditação e Consciencia, foto 1
  • Meditação e Consciencia, foto 2

Meditação e Consciencia

“Todo ser tende a realizar o que existe nele, em germe a crescer, a completar-se”.
disponível
R$120
Encomendar
Informação de contato
  • Pessoa de contato: Jeane Godoy e Janaína Ester
  • Telefone: +55 (19) 8222-29-94
  • +55 (19) 98225-81-85
  • +55 (19) 9769-61-75
  • Endereço postal: Rua D Pedro I - 1729 - Bairro Alto, Piracicaba, São Paulo, 13.419.200, Brasil
Descrição detalhada de um produto

DESENVOLVENDO-SE NA VIDA.
Conceito de Self para Carl G. Jung
“Todo ser tende a realizar o que existe nele, em germe a crescer, a completar-se”.
O núcleo central da psique, Carl Gustav Jung denominou de Self.
Para que se possa entender o sentido lato do conceito de Self, Centro Fundamentalmente Ordenador de Energias, Jung aponta uma direção; o autoconhecimento. É através da experiência vivida no cotidiano que o ser humano se conhece e chega a este centro. A via a percorrer se faz através do que ele chamou de Processo de Individuação, o caminho do conhecimento do si – mesmo.
O processo da vida se desenvolve com o tempo. A vida como um todo se realiza na medida em que cada um de nós procura se conhecer externa e internamente. O desenvolvimento da natureza física, do emocional e do espiritual se dá simultaneamente. O encontro com o Centro / Self pode ser visto como algo que nos transcende. Poderíamos dizer que é um encontro com a totalidade de nosso ser, com as camadas mais profundas do inconsciente.
“Todo ser tende a realizar o que existe nele, em germe a crescer, a completar-se. Assim é para a semente do vegetal e para o embrião do animal. Assim é para o homem, quanto ao corpo e quanto à psique”; palavras de Nise Magalhães da Silveira.
Impulsionado por forças inconscientes, o Ser Humano toma consciência de sua natureza. Cada um de nós na medida em que vivemos a vida fazemos livre escolhas e tomamos decisões. Tudo em nós é um convite ao desenvolvimento das potencialidades inatas.
Quanto mais conscientes somos de nossas potencialidades, mais claramente percebemos o caminho a percorrer. É um processo em contínua dinâmica, como um espiral em expansão.
O caminho para a realização do si-mesmo não é uma trajetória fácil. Muito pelo contrário, pode ser cheio de sacrifícios e dificuldades tão grandes que pensamos ser impossíveis de serem solucionadas. O processo de individuação é o processo de depuro de nossa própria existência que se revela a cada dia.
O Ser em sua completude é aquele que conseguiu aproximar e colocar em ordem os dois lados da natureza humana: Luz e Sombra, Masculina e Feminina. Aquele que realizou esta aproximação de energias é um ser que se aperfeiçoou, sem a pretensão de tornar-se perfeito.
A trajetória para a plena realização do autoconhecimento é sinalizada por Jung por etapas.
A 1ª etapa é o Desvendamento da Máscara, é a falsa roupagem da persona que precisa ser retirada, é se assumir exatamente como se é.
A 2ª etapa é Encarar de Frente a Sombra, o lado escuro e sombrio que não gostamos, e menos ainda, de mostrar porque nos desagrada [a Sombra pode ser luminosa, é o outro lado da pessoa que por viver uma vida obscura não consegue enxergar ou Dar valor ao seu lado criativo e bom].
A 3ª etapa é o Confronto com os Opostos, Anima [para o homem] e Animus [para a mulher . Com a integração desses dois lados o homem se torna mais flexível, mais sensível e sábio nas atitudes, e, a mulher mais harmoniosa nos afetos e intelectualmente com maior interesse pelo universo da cultura.
Somos um pouco o outro.
Vivendo a vida, as nossas relações interpessoais mudam. Projeções são feitas e desfeitas na medida em que vivemos. Percebemos que cada um de nós trás o seu quinhão, seu mistério. A vida pessoal é repleta de complexidades e de segredos. Com isso temos mais respeito pelas pessoas que nos cercam. Percebemos que cada um de nós é diferente.
Quanto mais nos conhecemos mais aceitamos os outros como eles são. Somos menos críticos e judicativos, mais humanos por conseqüência.
Sabemos com a árdua caminhada que aproximar da Fonte Ordenadora de Energias nada mais é do que Vivenciar a Experiência de que Deus vive em nós e nós vivemos nele.
É a experiência do Tao para os místicos da cultura Chinesa e do Brahma para os Hindus.
O Self não é apenas o Centro ordenador da Psique Pessoal, Ele é o Centro da Totalidade da Vida; o Alfa e o Ômega (Apoc. 2,13).
Fonte: Francisco Ferraz
Jeane Godoy –Trance e Integral Therapist – Meditação Orientada e Estudos da Consciência.

Informação para encomenda
  • Preço: R$120
Categoria do catálogo Negociol.com: Meios terapêuticos em São Paulo
Criado: 14/05/13 08:45
Alterado: 01/11/16 10:02